Loading
fechar

Acesse o conteúdo da Revista

Se você não tem cadastro, Cadastre-se agora

Acesse o conteúdo completo Assine a Revista

Impressa ou digital, em até 12x no cartão

Carrinho

Seu carrinho contém

Item Valor

Revista Negócios PE

Edição nº 142

R$ 130,00

Revista Negócios PE

Edição nº 142

R$ 130,00
Subtotal R$ 149,90

Matérias

Encontre a matéria abaixo ou pesquise aqui

ou por Revistas Guias Seções Cadernos Especiais

Perfis » Negócios PE - 39° Edição

Muito inquieto

Referência na medicina oftalmológica, Álvaro Dantas apresenta o Ícone, um diferencial em tecnologia para os pacientes

Por Beto Lago, com foto de Bosco Lacerda

O médico Álvaro Dantas não é apenas uma referência quando o assunto é oftalmologia. A história deste sertanejo, nascido em Salgueiro, mas criado em Belém do São Francisco, é de quem sempre se preocupou em aprender e em repassar seus conhecimentos. Com passagem por diversas clínicas e hospitais pelo País, Álvaro Dantas deu início a seu voo solo ainda no ano passado, com a inauguração do Instituto de Cirurgia Ocular do Nordeste (Ícone).

Quinto filho de uma tradicional família do Sertão pernambucano, Álvaro Dantas sempre se preocupou com a educação. Veio logo cedo, aos 8 anos, morar com irmãos no Recife. Estudou no antigo Colégio Nóbrega e aos 16 anos já tinha passado no vestibular de medicina na Universidade Federal de Pernambuco.

“Houve um período, quando eu tinha 14 anos, que fui morar por seis meses nos Estados Unidos para aprender e aperfeiçoar meu inglês”, conta o médico. E por ter passado no vestibular apenas na segunda entrada, Álvaro Dantas preferiu voltar para Belém do São Francisco e virou, por seis meses, produtor de cebolas. “Não queria ficar parado. Sou inquieto e sempre fico pensando em novos empreendimentos”.

Depois de formado e de um período de residência no Altino Ventura, Álvaro Dantas foi para Belo Horizonte, em 1992, fazer especialização na área de glaucoma. Estudou no Instituto Hilton Rocha, que é considerado até hoje o “professor da oftalmologia do País”. “Foi um grande aprendizado, em uma escola que forma os maiores líderes oftalmológicos do Brasil”.

Retornou um ano depois para Recife e começou a clinicar no Instituto de Olhos do Recife. Era o início do processo de cirurgia de catarata por incisão. Com o aprendizado na capital mineira, ficou responsável por cirurgias de microincisão e com lentes intraoculares dobráveis.

Depois, Álvaro Dantas inaugurou o Real Visão, sendo responsável por conduzir a oftalmologia do Hospital Português de 2003 até 2010. “Trouxemos o primeiro laser de cirurgia personalizada para correção de grau, uma inovação em todo o Norte/Nordeste”, lembra.

Veio a ideia de, junto com outros sócios, abrir o HVisão, onde ficou até julho de 2014. Mas a inquietação era forte e o desejo de ter um empreendimento só seu era ainda maior.

“Não tenho nada contra os sócios que tive na minha vida, mas sociedade é algo que mistura visões diferentes, objetivos diferentes, condições diferentes, e isso cria um ambiente de dificuldades de transformações”.

Surgiu o Ícone, um projeto que demorou dois anos para ser inaugurado, pensado em todos os detalhes. O Instituto ocupa dois andares do Pontes Corporate Center, anexo do Mar Hotel, em Boa Viagem. “Nossa clínica foi desenvolvida durante uma fase de amadurecimento profissional. Fazer um projeto quando temos uma visão imatura, verde, é diferente de quando temos amplo conhecimento profissional”.

Atendimento diferenciado é o detalhe maior no Ícone. Toda a clínica tem acessibilidade máxima. As cadeiras dos pacientes nos consultórios são volantes, permitindo o deslocamento total pelo ambiente.

Também foram definidas as melhores tecnologias. Ao lado da Zeeis do Brasil, o Ícone criou um conceito e surgiu a ideia do Zeeis Reference Center, projeto único no mundo. “Isso significa que nosso serviço dispõe das melhores tecnologias da Zeeis e pratica um processo de alta segurança na área de saúde incluindo toda a parte de descartabilidade, precauções de infecções e identificação segura do paciente”, explica Álvaro. “Todos os mínimos detalhes são pensados para que traga a praticamente zero o risco de problemas que são evitáveis. Este tipo de procedimento encanta os pacientes, que podem observar o cuidado minucioso tomado antes, durante e depois da cirurgia”.

O Instituto conta com o primeiro laser catálise, desenvolvido pela Ortomédica, empresa norte-americana, que foi criado especificamente para desenvolver, junto com os softwares da Apple, cirurgias de catarata a laser.

O que é Zeeis

Fundada como uma fábrica para mecânica de precisão e óptica na cidade de Jena, Alemanha, em 1846, a Carl Zeiss é hoje líder mundial nas indústrias óptica e opto-eletrônica. O Grupo Carl Zeiss possui atualmente mais de 11.500 empregados, com escritórios e representantes em mais de 100 países, com centros de produção na Europa, América do Norte, América Central e na Ásia. A sede da companhia está localizada em Oberkochen, Alemanha, no nordeste do Estado de Baden- Württemberg.

A Carl Zeiss iniciou suas operações no Brasil em 1913 através de um representante de vendas e serviços. A primeira filial da Carl Zeiss no Brasil foi fundada em 1928 e em 1937 passou a operar através da Carl Zeiss Optic Ltda. A partir de 1983, a primeira filial passou a operar por meio da Carl Zeiss do Brasil Ltda. A Carl Zeiss do Brasil Ltda. atende aos segmentos acadêmico, industrial e médico.

Investimento

Com um investimento de R$ 20 milhões, o Ícone tem capacidade para atender mil pacientes por mês, mas o foco não é pela quantidade, mas pela qualidade. “Nossa filosofia de trabalho vai de encontro ao que tem sido dinamizado cada vez mais na medicina e tem jogado o padrão de qualidade para baixo”, afirma. “A medicina brasileira continua com algumas ilhas de excelência, mas em termos de qualidade, em geral tem caído. Tornaram a medicina uma indústria, uma linha de produção. Tem duas coisas que não andam juntas na medicina: qualidade e volume”.

Além de Álvaro Dantas, que atende o segmento anterior, o médico João Lins faz parte da equipe do Ícone no segmento posterior. A ideia é contratar mais dois especialistas nos próximos anos.

Se a crise econômica no Brasil ainda não chegou forte em alguns setores da medicina, o alto custo dos aparelhos virou um problema. Nos últimos anos, a medicina tem aumentado os preços acima da inflação em qualquer lugar do mundo. Novas tecnologias surgem, sempre mais sofisticadas, mais inovadoras, trazendo inúmeros benefícios. Porém, por trás disso há um alto custo.

“A medicina que praticamos hoje é bem mais cara que dez anos atrás e a tendência é ser cada vez mais. Mas a gente tem uma coisa que facilita esse desenvolvimento, que é a figura do seguro de saúde. A ideia do seguro vem sofrendo muitos problemas nos últimos anos, mas é muito importante para viabilizar que se pratique o que há de melhor na medicina como um todo. Tudo que venha trazer mais segurança e mais eficiência vai sempre ter espaço na medicina”.

Álvaro Dantas se considera um “cidadão do mundo”. Ele é membro da Academia de Oftalmologia dos Estados Unidos e da Europa, além da Sociedade Internacional de Catarata Refrativa. Mas não se esquece de suas raízes sertanejas. Tanto que ele é sócio da Agrodan, instalada em Belém de São Francisco, e que é responsável por 30% de toda manga exportada pelo País.

Sócio com os quatro irmãos, tudo teve início por conta do esforço do pai, Álvaro Dantas, que acreditou no sonho dos filhos. “Ele investiu tudo, hipotecou casa, conseguiu um empréstimo no banco para permitir que nosso sonho fosse realizado”, recorda o médico.

Completando 50 anos em 2016, Álvaro Dantas está casado com Karla Dantas e tem três filhos. Ele se orgulha de sua trajetória profissional e continua com a mesma preocupação desde os estudos no Sertão pernambucano: transmitir conhecimento.

“O conhecimento é democrático, não tem fronteiras. A indústria tem seus segredos, o comércio tem seus segredos, mas na área médica se exige o compromisso de ensinar. O conhecimento está acessível a todos. Basta querer, basta conquistar seu espaço”, finaliza.

Negócios PE - 39° Edição
Revista Negócios PE

Negócios PE - 39° Edição

Matérias desta edição

Negócios PE - 39° Edição
Negócios PE

Negócios PE - 39° Edição

Apenas R$ 29,90
Publicidade | Publicidade 03 - Banner Matrias
PUBLICIDADE