Loading
fechar

Acesse o conteúdo da Revista

Se você não tem cadastro, Cadastre-se agora

Acesse o conteúdo completo Assine a Revista

Impressa ou digital, em até 12x no cartão

Carrinho

Seu carrinho contém

Item Valor

Revista Negócios PE

Edição nº 142

R$ 130,00

Revista Negócios PE

Edição nº 142

R$ 130,00
Subtotal R$ 149,90

Matérias

Encontre a matéria abaixo ou pesquise aqui

ou por Revistas Guias Seções Cadernos Especiais

Editoriais » Negócios PE - 34ª Edição

Um novo ciclo

Conversa Informal, com Drayton Nejaim

2015 é o início de um novo ciclo para o Brasil, para Pernambuco e também para a Revista Negócios PE.

Para o Brasil o ano começa lento. Com a presidente Dilma reeleita tentando estancar a crise do Petrolão, cheia de desdobramentos. E tentando justificar ao mercado que a presidente da estatal, Graça Foster é 100% inocente. Como se fosse possível isso ser defendido. Não é. Não duvido que a presidente Dilma seja uma pessoa decente e que acredite na inocência de dona Graça. Mas os recados para o mundo não podem ser resolvidos pela afeição e confiança de duas comadres. Sinceramente espero que ao lerem este texto, Foster e toda a diretoria da Petrobras tenha sido demitida. Quem não cair por roubo deve cair por incompetência para dirigir com austeridade uma empresa pública e de capital aberto. No mínimo, por omissão. Em qualquer grande organização no mundo essa medida já teria sido tomada.

Ainda no Brasil, o desafio de Levy “Mãos de Tesoura”, novo Ministro da Fazenda, de ter a autonomia necessária para corrigir os rumos da economia através de um choque de austeridade nos gastos públicos, sem a ingerência da sempre gerente, presidente Dilma. Mesma preocupação que tenho em relação ao novo Ministro do Desenvolvimento, competente articulador, senador Armando Monteiro Neto. É a pessoa certa no lugar certo. E temos a sorte de ser Pernambucano. Só não sei se o momento é o momento certo para Armando fazer tudo que sabe e pode. Vamos torcer por ele, inclusive para que o BNDES seja mantido em sua pasta.

No plano estadual, estampamos a capa com o Governador eleito Paulo Câmara. Jovem e competente gestor público, acostumado com regras, meritocracia, contratos e projetos. Terá que amadurecer no carbureto para uma arte de difícil domínio, a política. E terá que fazer isso exercendo o mais importante cargo público do Estado. Esse desafio precisará ser enfrentado já no primeiro ano. Paulo é filho de uma nova política, uma política que não se esquece da responsabilidade sobre a gestão pública por um minuto sequer. Vamos torcer para que seja compreendido e apoiado na sua missão.

E por fim a Negócios PE que começa o ano com uma importante mudança. Depois de seis anos como editor executivo da revista, coloco no exercício dessa função o jornalista Beto Lago. Coloco porque confio e respeito. E também porque graças a excelente aceitação da revista, nossos desafios como uma editora crescem a cada ano. E preciso estar atento e vigilante para junto com Daniel Asfora e Rosy Mendes, sócios dessa empreitada, seguirmos trilhando um caminho virtuoso. E todo caminho virtuoso precisa de planejamento. Continuarei assinando o editorial, agora apenas na condição de diretor executivo, e assinando a Coluna Mundo Empresarial em companhia do meu braço direito, jornalista Gisela Pitanga.

Por fim, não poderia deixar de registrar o nascimento de um novo produto da Editora Negócios, o Guia das Empresas de Tecnologia da Informação, um guia setorial que cumpre o responsável papel de conectar e informar de maneira útil a comunidade empresarial de Pernambuco.

Um Ano Novo abençoado e um beijo no coração de todos. Que venha 2015!

Drayton Nejaim
Diretor e editor executivo
drayton@editoranegocios.com.br

Negócios PE - 34ª Edição
Revista Negócios PE

Negócios PE - 34ª Edição

Matérias desta edição

Publicidade | Publicidade 03 - Banner Matrias
PUBLICIDADE